Texto Base: Romanos 1:18

A palavra de Deus nos diz o seguinte: “Portanto, a ira de Deus é revelada do céu contra toda impiedade e injustiça dos homens que suprimem a verdade pela injustiça, ”

O tema dessa reflexão poderia ser ira versus Justiça. Este é um dos textos da Bíblia mais contundentes a respeito do exercício da justiça divina diante do pecado presente na sociedade romana a qual Paulo se referia ele se sentiu tão negativamente impressionado que declarou com ênfase o que podemos ver neste versículo bíblico.

A justiça de Deus aqui condena todo o pecado, impiedade e a injustiça humana, embora os homens procurem justificar suas vidas de forma mentirosa e hipócrita. Ira nesse texto se tratando de Deus deve ser vista como um sinônimo de justiça, não é igual a ira humana que leva o homem a cometer desatinos quando se deixa dominar pelo ódio. A ira estribada da justiça divina leva o Senhor nosso Deus a exercer o juízo sobre os homens e o castigo em decorrência do pecado.

A justiça de Deus completa, perfeita e infinita se baseia nesses dois aspectos essenciais

  • Retribuição, ou seja, o castigo para o pecador convicto
  • Ou a salvação e o amor para o pecador regenerado.

O que deve nos impressionar em um texto como esse é que a pessoa de Deus abomina, renega e detesta o pecado em qualquer uma de suas manifestações. Se pudéssemos transferir para Deus a maneira como o homem se sente diante de situações assim diríamos que o Senhor se horroriza com o pecado praticado.

Como crentes em Cristo devemos ter vidas santas e puras para não permitirmos que a ira de Deus seja revelada por causa dos nossos pecados e venha nos atingir.

“Portanto, a ira de Deus é revelada do céu contra toda impiedade e injustiça dos homens que suprimem a verdade pela injustiça, ”

Que o Senhor nos ajude a renegar o pecado e que a cada dia possamos olhar para Jesus e não nos envolvermos pelas ciladas do mal ao nosso redor.

Que Deus vos abençoe.

Amém

 

Em Cristo Jesus e porque Ele vive!
Pr. Antônio José Azevedo Pereira