Texto Base: Êxodo 10.9

O texto sagrado nos diz: “E Moisés disse: Havemos de ir com os nossos jovens, e com os nossos velhos; com os nossos filhos, e com as nossas filhas, com as nossas ovelhas, e com os nossos bois havemos de ir; porque temos de celebrar uma festa ao SENHOR.”

Nesse texto podemos ver que o sentimento de família a época de Moisés era igual e expressivo na vida do povo hebreu tal qual nos tempos de hoje. Mesmo vivendo em terra estranha, durante mais de quatro séculos, a consciência de união e indivisibilidade da célula familiar era fundamental para a nação que estava apenas começando.

Faraó e seus auxiliares diretos mudaram de técnicas muitas vezes, traçando alternativas para deixar o povo ir embora de forma fracionada (deixando ir homens adultos e exigindo que os jovens ficassem por exemplo). Uma nova geração de escravos, poderiam pensar os egípcios, seria mais frágil e fácil de se escravizar. Moisés não abriu mão e levou com ele a todos. Tinha em seu coração a convicção do que deveria ser feito. A resposta dele ao Faraó foi clara.: Vamos todos, porque temos de celebrar uma festa ao Senhor.

Será que em nossos dias não devemos reviver tais sentimentos em nosso meio.? Em um passado recente era comum vermos as famílias em grandes reuniões, indo para as igrejas celebrar ao Senhor juntos. Hoje temos um fracionamento dessa união familiar seja por conta da correria do cotidiano e até mesmo na hora de estarem juntos para servir a Deus. Fica uma pergunta para nossa reflexão. Será que estamos perdendo um pouco desse sentimento de como família e também como família de Deus de estarmos juntos na casa de Deus celebrando uma festa para Ele juntamente com os nossos?

Que Deus possa abençoar a sua família.

Em Cristo Jesus e porque Ele vive!
Pr. Antonio José Azevedo