Texto Base: Lucas 4:20

A palavra de Deus nos diz o seguinte: “Então ele fechou o livro, devolveu-o ao assistente e assentou-se. Na sinagoga todos tinham os olhos fitos nele;”

O relato desse texto aconteceu em Nazaré cidade de Jesus onde residiam seus familiares e o que ocorreu lá deveria acontecer sempre em nossa vida.

O que nos chama à atenção é toda aquela sinagoga como diz o texto está concentrada no Mestre. Isso deveria ser a busca e o propósito de cada um de nós que seguimos a Cristo nos dia de hoje. Podemos exemplificar a dificuldade que temos em conseguir a concentração de todos quando ocorre uma assembleia, reunião, oração ou um culto divino. A desconcentração parece ser algo comum e até recorrente.

Compreendemos o contexto e o porquê do fato que aconteceu em Nazaré. Cristo deveria ser conhecido, pois era filho de José, ali residiam seus irmãos e mãe, já se falava dele como o novo profeta. O fato de ter ido à sinagoga para ler o texto e falar como era costume entre os judeus deve ter alvoroçado toda a cidade que misturava curiosidade e atenção de todos.

Os ouvintes esperavam suas palavras, pois queriam receber orientação que viesse ao encontro de suas necessidades pessoais. Sabemos que o auditório naquela sinagoga não era propício a isso e mesmo achando eles que não existia profeta em sua própria terra ali estavam todos reunidos com os olhos fitos em Jesus.

Em algumas situações o que nos falta é essa busca por Cristo, pois nossos olhos buscam tudo nesta vida e esquece de olhar para Cristo. Olhamos para a revista semanal, para os jornais, telenovelas, filmes, para a figura do pregador e nos esquecemos de olhar para Cristo. Através desse olhar fixo que devemos ter em seus ensinos, na sua vida, na sua morte e ressurreição teremos respostas para as nossas indagações, sustento para nossa fraqueza, alegria para o nosso viver, paz diante da violência, amor em meio ao ódio e uma vida em abundante.

Que o Senhor possa nos dar graça para ficarmos com os nossos olhos fitos na vida de Jesus.

Cristo nos abençoe.

Amém

 

Em Cristo Jesus e porque Ele vive!
Pr. Antônio José Azevedo Pereira