Texto Base: Lucas 4:32

A palavra de Deus nos diz o seguinte: “Todos ficavam maravilhados com o seu ensino, porque falava com autoridade. ”

Nos tempos de faculdade tinha um professor que ministrava suas palestras de forma extraordinária. Os diplomas e conhecimento acumulados ao longo de sua trajetória davam respaldo para a desenvoltura que ele tinha quando ministrava suas palestras.

É maravilhoso escutarmos uma boa palavra ou uma palestra ministrada por um mestre que domina o assunto.

A mesma coisa acontece quando escutamos à Cristo, enquanto na faculdade estávamos falando de autoridade científica, na palestina estamos tratando de autoridade espiritual aquela que transcende o simples conhecimento humano por mais profundos que possam ser.

Em Mateus capítulo 7 versículo 29 temos registro de que todos se impressionavam com Jesus, porque ele falava com autoridade que provinha dele mesmo.

No sermão da montanha ele falou por várias vezes com essa autoridade “eu porém vos digo”, e isso se repete dezenas de vezes ali no capítulo 7 do sermão da montanha. Em João capítulo 7 versículo 46 os guardas que tinham ido prender Jesus e não fizeram responderam ao seu superior, olha é o seguinte nós fomos lá, mas homem algum falou como ele fala.

Que possamos ter essa autoridade, pois o mundo está ridicularizando e zombando dos pretensos pregadores que se lançam, mas não tem autoridade.

Se somos filhos de Deus salvos pelo sangue de seu filho e vivemos em conformidade com a sua vontade, temos que ter essa autoridade para falar de Cristo e impressionar o mundo com a mensagem que redime o homem.

Qual a reação das pessoas que nos cercam quando ouvem a pregação do evangelho?

Uma pregação do evangelho sem autoridade não passa de um discurso. O evangelho precisa continuar sendo o poder de Deus para salvação de todo aquele que crer.

Que Deus dê graça, autoridade e unção para falarmos do Senhor Jesus aos homens e eles se impressionarem.

Cristo nos abençoe.

Amém

 

Em Cristo Jesus e porque Ele vive!
Pr. Antônio José Azevedo Pereira