Texto Base: Salmos 78:72

A palavra de Deus nos diz o seguinte: “Assim os apascentou, segundo a integridade do seu coração, e os guiou pela perícia de suas mãos. ”

A citação que o salmista faz de Davi como pastor de ovelhas e condutor do povo de Israel é admirável. A referência à forma como ele exerceu seu pastoreio é realmente magnífica e deve servir de exemplo para os pastores de Hoje.

Sabemos que o pastoreio que o escritor sagrado se refere neste Salmo não é o de uma igreja, ele está falando do povo de Israel como ovelhas que Davi tirou do aprisco com sua liderança e os conduziu para formar uma nação integrada e institucionalizada.

No entanto as palavras do salmista devem valer também para o pastor de hoje, que chamado por Deus deve se dedicar a dirigir uma igreja guiando seus membros como o pastor do passado bíblico fazia com as suas ovelhas.

Infelizmente apascentar o rebanho é coisa que está se tornando antiquada ou passada. As igrejas estão se tornando profissionalizadas de tal forma que o sentido de pastoreio, ou seja, do guia espiritual com suas ovelhas está se perdendo, em muitas igrejas chamar os membros de rebanho ou de ovelhas é coisa que está causando até uma certa indiferença.

Mas vejamos as magníficas qualidades do pastor no sentido real da palavra, ele apascentava as suas ovelhas com a integridade do seu coração e as guiava com a perícia de suas mãos.

Será que nos dias de hoje estamos buscando pastores que não apascentem assim? Como crentes em Cristo e membros de uma igreja estamos sempre procurando que os nossos pastores tenham prazer em exercer o ministério de nos guiar com integridade e perícia?

Que Deus nos dê pastores que apascentem sua igreja com inteligência e sabedoria, mas também com integridade em seus corações.

Que Deus nos abençoe.

Amém

 

Em Cristo Jesus e porque Ele vive!
Pr. Antônio José Azevedo Pereira