“Levantam-se seus filhos, e lhe chamam ditosa, seu marido a louva dizendo: Muitas mulheres procedem virtuosamente, mas tu a todas sobrepujas” ( Pv 31-28-29).

 A mulher virtuosa de Provérbios 31 é elogiada de forma brilhante pelos filhos e pelo marido pelas suas qualidades de mulher, esposa e mãe.

É interessante observar que os elogios não são de pessoas de fora, mas sim  os da sua própria casa são admiradores de suas virtudes.

Os filhos convictos do zelo e dedicação da mãe pela família prestam a mais alta homenagem a ela. Eles a chamam ditosa – e ela é bem-aventurada (que significa feliz)!

Essa manifestação de gratidão é tudo o que uma mãe sonha em receber de seus filhos. Assim como a mãe mencionada em Provérbios 31 dedique à família todo o seu amor. Zele diariamente pelo bem-estar físico e espiritual de seus filhos. Faça do seu lar um abrigo onde a família possa descansar e sentir paz porque ali a presença de Deus é real em cada coração. O cuidado materno não termina quando os filhos vivem longe de casa. Ana dedicava cuidados a longa distancia ao menino Samuel (1 Samuel 2.19). Mesmo estando longe da mãe, Samuel sabia que era amado porque Ana passava o ano inteiro confeccionando uma túnica nova para entregar-lhe por ocasião da festa anual na casa do Senhor.

Ser mãe é uma missão que recebemos de Deus pela qual vale a pena lutar. Enquanto exercemos essa difícil missão, não estamos sozinhas porque Deus honra nossos esforços e nos encoraja a lutarmos em favor de nossos filhos para que sirvam ao Senhor de todo coração.

Lutemos por eles, ensinando, instruindo, disciplinando, zelando, doando, orando e crendo que Deus cuidará deles porque essa é a honrosa missão que recebemos de Deus!

No amor de Cristo,

Janilda Brandão.